Ferreiros e Alquimistas, Autor: Mircea Elíade

23.00

Resta apenas 1 em stock

Descrição

Descrição: Segundo as crenças primitivas, as substâncias minerais participam da sacralidade da Terra-Mãe. Os minerais «crescem» no ventre da Terra, tal como os embriões. A metalurgia reveste, deste modo, um carácter obstétrico. O mineiro e o metalúrgico intervêm no desenvolvimento da embriologia subterrânea: precipitam o ritmo do crescimento dos minerais, colaboram na obra da Natureza, ajudam-na a «crescer mais depressa».

Colaborar com a Natureza, ajudá-la a produzir num tempo cada vez mais rápido, alterar as modalidades da matéria, eis uma das fontes da ideologia alquímica. Tal como o fundidor e o ferreiro, o alquimista trabalha com uma matéria simultaneamente viva e sagrada; os seus trabalhos visam a transformação da matéria, o seu «aperfeiçoamento» e a sua «transmutação».

Neste seu livro Mircea Elíade deu especial relevo às alquimias indiana e chinesa, porque são menos conhecidas, e principalmente por apresentarem com mais nitidez a sua natureza de técnica simultaneamente experimental e «mística».

Ano: 1.ª Edição de 1987, Coleção: Antropos

Editora: Relógio D’Água

Páginas: 176

Observações: Em bom estado de conservação. Páginas amareladas pela ação do tempo.